Governo do Distrito Federal

Sem categoria

Informativo_CC_Eixo_4 (2)

Todos os estudantes que procuraram vagas na rede pública de ensino em 2018 foram contemplados. O resultado das inscrições foi divulgado nesta terça-feira (19) no site da Secretaria de Educação. Ao todo, a pasta registrou 36.767 pedidos.

Para o ensino regular, que vai do primeiro período da educação infantil ao terceiro ano do ensino médio, foram 18.420 inscritos por telefone e 15.076 pela internet. A educação de jovens e adultos (EJA) teve 3.271 solicitações, todas pela Central 156.
De acordo com o subsecretário de Planejamento, Acompanhamento e Avaliação, Fábio Pereira de Souza, o sistema on-line, implementado neste ano, facilitou o processo. “Esperamos continuar a oferecer a opção nos próximos anos letivos”, diz.

Prazo para matrícula começa em janeiro
O próximo passo é a efetivação de matrícula, que deverá ser feita de 8 a 18 de janeiro nas unidades de ensino. “É importante lembrar que, se pais e responsáveis não respeitarem o prazo, o aluno perde a vaga”, enfatiza.

É a seguinte a documentação necessária, para todos os níveis de ensino:

Original e cópia da certidão de nascimento
Registro Geral (RG)
Cadastro de Pessoa Física (CPF)
Duas fotos 3X4
Comprovante de residência
Comprovante de tipagem sanguínea e fator RH
No caso da educação infantil, também é exigido o cartão de vacina atualizado. Alunos dos ensinos fundamental e médio e da EJA também precisam apresentar declaração provisória de matrícula ou de histórico escolar.

O resultado do remanejamento será divulgado nesta quarta-feira (20), na escola para onde foi solicitada a transferência.

O prazo para solicitar vagas remanescentes começará em 23 de janeiro.

Informativo_CC_eixo1 (2)

 

Informativo_CC_Eixo_2 (2)

 

Informativo_CC_eixo_3 (2)

 

Informativo_CC_Eixo_4 (2)

 

Informativo _CC_S_Desen_ Social 5

 

 

 

Os dois estudantes da rede pública foram escolhidos em programa e passarão um mês nos Estados Unidos

A emoção era visível nos rostos dos estudantes Maria Clara Araújo dos Santos, 17 anos, e João Gabriel Lenza de Lima, 16 anos, na manhã desta sexta-feira (3). Os dois receberam uma homenagem da Secretaria de Educação por serem os representantes do Distrito Federal no programa Jovem Embaixador, promovido pela Embaixada dos Estados Unidos.

O caminho para chegar até essa conquista não foi fácil, como conta Maria Clara. “Tivemos que enviar uma série de documentos, depois fizemos uma prova escrita, outra oral, que fiquei com muito medo, e por fim, uma entrevista em nossa casa”, relata a aluna do 3º ano do Centro Educacional Darcy Ribeiro, no Paranoá.

No total, cerca de 1 mil alunos do DF tentaram fazer a inscrição no programa, mas somente 63 efetivaram a entrega dos formulários e documentos. Destes, 12 fizeram a prova escrita e oito se classificaram para o exame oral. A superação emocionou João Gabriel. “Quando vi meu nome, na quarta-feira (31), comecei a chorar. Passam muitas coisas pela cabeça”. O jovem é aluno do 2º ano do Centro Educacional 02, do Guará.

A determinação foi parabenizada pelo subsecretário de Educação Básica, Daniel Crepaldi, que os recebeu para a homenagem. “Parabéns pelo esforço de vocês, pois sabemos que para conquistar essas vagas foram necessárias muitas horas de estudo, determinação. Escola e pais ajudam muito, mas são vocês que fazem a diferença na construção do seu conhecimento”, ressaltou.

Livros e música
Ao receberem a homenagem, os dois estudantes selecionados revelaram ter muito em comum. A começar pelo interesse nos estudos desde cedo. “Desde criança ele adora ler. Até rifa no trabalho já fiz para comprar livros de inglês. Hoje em dia, quando vamos no shopping, tenho que esperar ele na livraria”, conta de forma bem-humorada a mãe de João, Marilsa de Almeida Lenza.

Os livros também foram sempre companheiros de Maria Clara, mas a música que despertou o interesse por outras línguas. “Ela vivia cantando em inglês e eu ficava me perguntando se ela entendia mesmo. Pelo jeito, ela já sabia bastante”, relata Gislene Maria, mãe da adolescente.

Na escola, ambos se interessam por matérias das áreas de humanas e descobriram o talento para outros idiomas nos Centros Interdisciplinares de Línguas (CILs), que oferecem aulas para estudantes da rede pública e da comunidade local. “É muito bacana, pois aprendemos bem mais que outra língua. Conhecemos melhor outras culturas e formas de pensar. Foi fundamental para esse programa”, afirma João, que estuda inglês na unidade do Guará. Maria Clara atualmente faz francês no Paranoá.

Após a aprovação, agora o pensamento é se preparar para a experiência. Os jovens embarcam no dia 13 de janeiro para Washington junto dos outros 48 selecionados no país. De lá, eles seguem para outros estados, onde conviverão com famílias americanas por um mês. “Estou muito ansiosa. Acho que vai ser uma troca de conhecimentos incrível”, destaca Maria Clara, que nunca voou de avião.

Na volta, a intenção de ambos é estudar relações internacionais, mas sem dar as costas para o passado. “Acho que essa viagem é só o início. Quero voltar e inspirar outros alunos, espalhar esse conhecimento”, diz João.

Professor premiado
Não foram apenas os alunos homenageados. O professor da rede pública Ivo Marçal será um dos dois escolhidos no país para acompanhar a edição 2018 do projeto.

O docente, atualmente responsável pelos CILs, coordena a etapa local do programa Jovem Embaixador há mais de dois anos e teve o direito de pleitear a vaga. “É um trabalho cansativo, pois temos que verificar a documentação de todos os inscritos, organizar as provas, fazer as entrevistas. E é uma pena não podermos escolher todos, pois há muita gente boa”, conta o professor.

E apesar da experiência prévia, a escolha o emocionou. “Vejo neles muito de mim. Estudei em escola pública e vi nos centros de língua uma oportunidade. Lá que descobri minha vocação para seguir o magistério. Portanto, ver a vitória desses jovens causa uma identificação. A realização deles é pessoal minha também”, se abre Ivo.

Para terminar a manhã de celebração, o professor e os estudantes foram recebidos na Embaixada dos Estados Unidos pelo conselheiro para assuntos de educação e cultura, Erik Holm-Olsen, que os parabenizou e desejou uma ótima viagem.


 

São espaços que promovem a participação ativa de crianças e adolescentes, a partir de um kit inicial composto por dois cartazes; um para divulgação do sistema de garantia de direitos, e o outro para receber intervenções diretas como desenhos, colagens e pinturas, e outras formas de linguagem. Os Espaços também estimulam a participação por meio de atividades voluntárias, campanhas educativas e apresentações culturais. 14 Espaços Criança Candanga já foram inaugurados e distribuídos pelos 12 Centros Olímpicos e Paralímpicos do DF, além do Museu Ambiental da PMDF no Parque Ecológico de Águas Claras, e do CEU das Artes no Recanto das Emas. Governo, organizações da sociedade civil e iniciativa privada já aderiram a esta iniciativa.

 

 

 

Murais de alguns dos Espaços Criança Candanga nos Centros Olímpicos do Parque da Vaquejada e Setor O na Ceilândia, no Recanto das Emas e na Estrutural respectivamente:
                                                                                                                                    
                                                                                                                      

                                        

 

A Secretaria de Estado de Esporte, Turismo e Lazer lançou Edital de chamamento público para celebração de acordo de cooperação com organizações da sociedade civil para, realizar eventos esportivos e de lazer, por intermédio do Programa de Apoio a Eventos,mediante a disponibilização de serviços relacionados a arbitragem desportiva, montagem de infraestrutura, fornecimento de bens de consumo, mão de obra e apoio logístico, o fomento do desporto educacional, de participação e rendimento, no âmbito do Distrito Federal.

Este Edital terá caráter permanente, considerando o fluxo contínuo de celebração de parcerias no âmbito do Programa de Apoio a Eventos, ocasião em que o prazo de apresentação e recebimento das propostas permanecerá aberto a todos os interessados.

Não haverá repasse de recursos financeiros pela administração pública, mas haverá o compartilhamento de serviços relacionados à arbitragem desportiva, montagem de infraestrutura, fornecimento de bens de consumo, mão de obra e apoio logístico, visando o fomento do desporto educacional, de participação e rendimento.

O envio da Ficha de Inscrição e da Proposta deve ser feito para SDC Eixo Monumental, Lote 05, Centro de Convenções Ulysses Guimarães, Ala Sul, 1º Andar, Protocolo, CEP: 70.070-350 – Brasília – DF. O edital inicia-se em 18 de setembro de 2017. Após esta data e considerando seu caráter permanente , poderão ser protocolizadas de forma contínua, propostas de plano de trabalho, desde que sejam apresentadas com antecedência de, no mínimo 45 (quarenta e cinco) dias da realização do projeto/evento, no horário das 9h30 às 11h30 e das 14h30 às 17h30.

Os Conselhos Tutelares do Distrito Federal promoverão uma série de ações, ao longo do mês de junho, em alusão ao Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil, 12 de junho. A programação oferece à comunidade palestras, oficinas e informativos, visando melhor entendimento da população sobre a exploração à criança e ao adolescente no DF.

As ações serão promovidas por doze unidades dos conselhos tutelares em diferentes regiões: Sobradinho I, Park Way, Jardim Botânico, Fercal, Sudoeste e Octogonal, Águas Claras, Vicente Pires, Riacho Fundo I, Cruzeiro, Asa Sul, Lago Norte e Gama I e II.

Confira, abaixo, a lista com os CTs participantes, dia da ação e local das atividades:
Sobradinho I, dia 20/06/2017, Escola Classe Basevi;
Park Way, dia 12/06/2017, Núcleo Vargem Bonita e Escolas Classes da região;
Jardim Botânico, dia 08 e 09/06/2017, Escolas Classes da região;
Fercal, 12, 13, 16, 18, e 21/06/2017, Conselho Tutelar, Escolas Classes da região e Feira Cultural da Fercal;
Sudoeste e Octogonal, 12 e 13/06/2017, comércio local;
Águas Claras, 10/06/2017, Areal, Arniqueiras e Águas Claras;
Vicente Pires, 12/06/2017, Escola Classe 01 e 02, Vila São José, comércio local;
Riacho Fundo I, 12/06/2017, Conselho Tutelar, comércio local;
Cruzeiro Novo e Velho, 09/06/2017, blitz no sinal de trânsito;
Asa Sul, 12/06/2017, Escolas Classes da região;
Lago Norte, 12/06/2017, Escolas Classes da região;
Gama I e II, durante o mês de junho, Escolas Classes da região;

Matrículas em 15 cursos estarão abertas de 24 a 26 de abril, das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas, por ordem de chegada. A Escola Técnica de Ceilândia, na Área Especial da QNN 14, abriu 650 vagas para 15 cursos no segundo bimestre letivo. As aulas começam em 28 de abril. A matrícula deve ser feita na unidade, de segunda (24) a quarta-feira (26), das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas, por ordem de chegada. O edital foi publicado no Diário Oficial do DF dessa quarta-feira (19).

Entre outras aulas ofertadas, há para manicure e pedicure, assistente administrativo, barbeiro, eletricista, marceneiro e operador de computador. As vagas são para os turnos matutino, vespertino ou noturno. Os cursos poderão apresentar a opção de formação específica da área com complementação sobre: digitação, empreendedorismo, legislação trabalhista, ética, cidadania e relações humanas, matemática aplicada, português aplicado, informática aplicada e lógica. O aluno só será dispensado da parte complementar, que é obrigatória, caso participe do processo de aproveitamento de estudos. Para isso, tem de apresentar certificado de conclusão de curso que contemple, no currículo, carga horária e conteúdos compatíveis.

O candidato a uma das vagas deve comparecer à unidade com a seguinte documentação (original e cópia):

  • Comprovante de escolaridade
  • Comprovante de residência
  • CPF
  • Documento oficial de identidade
  • Uma foto 3×4 recente

 

Menores de 18 anos precisam estar acompanhados do responsável legal. Quem não puder ir até a escola no momento da matrícula pode ser representado por terceiro por meio de uma procuração. Cinco por cento das vagas de cada curso são reservadas para pessoas com deficiência. Aqueles que se enquadrarem nessa categoria têm de apresentar laudo médico, além dos documentos acima listados.

Matrículas na Escola Técnica de Ceilândia
De 24 a 26 de abril
Das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas, por ordem de chegada
Na própria unidade de ensino (Área Especial da QNN 14)
650 vagas para 15 cursos
Início das aulas: 28 de abril

Mais Saúde

  • Menor índice de mortalidade infantil dos últimos 16 anos, registrado em 2015, com 10.6 óbitos por 1 mil nascidos vivos
  • Ampliação da capacidade de atendimento, com a reabertura da nova ala pediátrica do Hospital do Gama
  • Postos de saúde reinaugurados e entregues à população do Lago Sul, Gama, Planaltina e Candangolândia
  • Expansão do Programa Saúde da Família em todo o Distrito Federal com previsão de 75% de cobertura e gestão regional descentralizada
  • Ampliação do serviço pré-natal, com 70% das gestantes atendidas em sete ou mais consultas (2016), atingindo índice superior à média nacional, de 65,4%.
  • Mais de 99% de qualidade nas amostras do Teste do Pezinho, no Programa de Triagem Neonatal (2016)
  • Redução em 90% dos casos de dengue, chikungunya e zika
  • Reconhecimento de hospitais da rede pública como centros de referência em doenças raras, lábio leporino, fenda palatal e outras doenças
  • Certificação Padrão Ouro emitida pelo Ministério da Saúde para 10 bancos de leite públicos (2017)

Diante da importância de ampliar o número de projetos e eventos esportivos no Distrito Federal e, assim melhorar a qualidade de vida, aumentar a sensação de bem-estar e incentivar a prática regular de atividades físicas, a Secretaria de Esporte, Turismo e Lazer, promoveu ações de livre acesso à prática de atividades esportivas e de lazer explorando os espaços públicos de maior concentração popular visando à democratização do acesso ao esporte e lazer nas RAs beneficiando pessoas. Os circuitos ocorreram conforme tabela:

Data Etapas Regiões Administrativas Público atendido
21/05/2016 1ª Etapa Sol Nascente – Ceilândia 310
25/06/2016 2ª Etapa São Sebastião 460
20/08/2016 3ª Etapa Planaltina 51
28/08/2016 4ª Etapa QNN 13 – Ceilândia 200
10/09/2016 5ª Etapa Santa Maria 169
02/10/2016 6ª Etapa Jardim Botânico 05
08/10/2016 7ª Etapa Núcleo Bandeirante 254
12/10/2016 8ª Etapa Sobradinho 169
15/10/2016 9ª Etapa Vicente Pires 100
15/10/2016 10ª Etapa São Sebastião 115
                                                                                                                                      Total 1.833

       Fonte: Coordenação dos Centros Olímpicos e Paralímpicos

 

 

Previsto pelo Projeto de Lei nº 1.177, de 2016 e instituído pelo Decreto nº 37.630, de 16 de setembro de 2016, o Programa Bolsa Educação Infantil prevê 2,5 mil bolsas de estudo oferecidas pelo governo de Brasília para crianças de 4 e 5 anos que ficaram de fora do Telematrícula – 156. No dia 13 de fevereiro, por ocasião da abertura das oficinas do programa federal “Criança Feliz” na Residência Oficial de Águas Claras, foi lançado o Chamamento Público 01/2017 da Secretaria de Educação, que trata do credenciamento das instituições educacionais que irão receber estes alunos. Além disso, no mesmo dia, a Secretaria de Estado de Economia e Desenvolvimento Sustentável divulgou o resultado final de sua Chamada 001/2017, destinada ao credenciamento de papelarias sediadas no Distrito Federal, para fornecimento de material escolar aos alunos da rede pública de ensino do Distrito Federal, beneficiários do Programa Bolsa Família, por meio do Cartão Material Escolar com 273 papelarias habilitadas.

Brasília em Números

Ações Urbanas Comunitárias

Eu Divido meu Leite

Hemocentro

Viva Brasília

Portal do Voluntariado

Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente do Distrito Federal

Programa Criança Feliz

Agência de Notícias dos Direitos da Infância

Fundo das Nações Unidas para a Infância – UNICEF

Nações Unidas – ONU

Hospital da Criança de Brasília
Secretaria Especial de Direitos Humanos
Conselho Nacional dos Direitos da Cri8ança e do Adolescente
Child Fund Brasil
I Plano Decenal de Atendimento do Socioeducativo

Rede Nacional da Primeira Infância

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Cadê? Brasil 2016

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Nullam ut leo gravida, congue libero id, elementum magna. In tincidunt euismod mollis. Donec pellentesque euismod blandit. Phasellus vestibulum, est sed rhoncus accumsan, dolor lectus faucibus turpis, at mollis lectus nisl eget nibh. Quisque sed libero justo. Sed venenatis dapibus urna ut viverra. Quisque mi sem, sagittis sit amet elementum eu, pretium nec lorem. Quisque at arcu justo. Suspendisse libero lacus, sagittis id venenatis eu, ultricies a dui. Sed tempus ornare enim et feugiat. Praesent tincidunt nulla convallis, molestie nisl quis, mattis lectus. Etiam commodo ex tellus, sit amet pellentesque mauris blandit a. Ut elementum purus leo, in ullamcorper arcu vulputate non.

Cras quis dui nec urna maximus consequat a ullamcorper dui. Nunc id magna nisl. Ut interdum hendrerit pellentesque. Donec tempor venenatis lectus in congue. Nullam in felis a quam varius facilisis vitae a libero. Ut sodales semper ultrices. Fusce vitae libero ultricies mi blandit laoreet. Duis et mollis turpis. Nulla sed dolor et dolor dapibus aliquet. Nunc tristique lectus eu leo aliquam, vel porttitor magna sodales. Donec sed augue non massa efficitur mollis. Maecenas auctor nisl non tellus ultrices lobortis. Aliquam ultricies facilisis lectus, non cursus tortor tincidunt et. Aenean pellentesque rhoncus ex, id suscipit mi luctus vel. Sed ac pretium arcu, porttitor bibendum velit. Phasellus convallis arcu et purus iaculis, sit amet pretium nisl ullamcorper.

Aliquam erat volutpat. Quisque dolor massa, egestas in erat sit amet, blandit sagittis lacus. Proin pulvinar erat risus, a lacinia felis viverra sit amet. Aenean felis erat, varius et tincidunt ac, tempor eget ante. Donec ullamcorper finibus ipsum et sodales. Proin eu arcu quis ligula pulvinar commodo sed ut elit. Vestibulum eleifend convallis lacus in commodo. Vestibulum ante ipsum primis in faucibus orci luctus et ultrices posuere cubilia Curae; Donec magna tellus, convallis a ultrices eu, vehicula non tortor. Duis pulvinar dui a dui imperdiet, in pulvinar sem congue. Nullam feugiat, est eu laoreet blandit, ex turpis vehicula nisi, ullamcorper pulvinar odio sapien eget dui. Etiam accumsan ligula id ante molestie, non feugiat tellus ultrices. Ut elementum mollis aliquet.

Sed tincidunt mauris a risus vulputate dignissim. Praesent non faucibus libero. Praesent vitae tempus urna. Cras semper placerat nisi in congue. Nunc porttitor id massa egestas lacinia. Fusce volutpat cursus magna, eget mattis risus ultricies sit amet. Quisque et gravida est. Pellentesque habitant morbi tristique senectus et netus et malesuada fames ac turpis egestas. Praesent iaculis, ex non viverra viverra, nibh nisl vestibulum ligula, at mollis dolor arcu vel erat.

Duis non posuere ligula, a pretium quam. In aliquet, justo non dignissim vulputate, nunc diam faucibus purus, lacinia aliquam dui massa vel libero. Donec nec mauris vel elit lobortis rutrum. Etiam quis varius tortor, aliquam pulvinar ipsum. Nulla tincidunt nunc erat, ut luctus ipsum pharetra sed. Vestibulum ut bibendum sapien, in vehicula justo. Donec placerat odio vel euismod vulputate. In posuere leo non augue tempor, ac ultrices orci tristique. Mauris porttitor lectus vitae velit ultricies imperdiet.

Criança Candanga - Governo de Brasília

Governo do Distrito Federal